Lei Aldir Blanc: editais para bolsas e utilização de espaços culturais

A Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA) divulgou dois novos editais para bolsistas e espaços culturais em atendimento à Lei Aldir Blanc. As inscrições ocorrerão exclusivamente por meio de formulário online. Poderão pleitear o recebimento dos recursos, pessoas físicas ou jurídicas, maiores de idade, domiciliados, com sedes ou estabelecimentos culturais localizados em Itabira, e ativos na função.

Bolsas

O direcionado à seleção de projetos com a finalidade de receber bolsas para criação, pesquisa ou formação para trabalhadores das áreas artísticas, como técnicos, produção cultural e pesquisadores da área. Serão disponibilizadas bolsas para seis categorias: dança; criação em música; criação em teatro; formação para técnicos em geral; pesquisas de abordagem histórico-cultural local e mapeamento cultural.

A novidade desse edital são categorias voltadas para bolsas de pesquisas nos quais também poderão participar estudantes e pesquisadores acadêmicos das áreas de geoprocessamento, mapeamento cultural e história cultural local; bem como outra categoria direcionada à capacitação de técnicos associados às mais variadas linguagens artísticas que têm como objetivo capacitar profissionais que atuam no ramo da direção de palco; operação de áudio, luz, vídeo, iluminação; sonoplastia; dentre outras.

Espaços artísticos e culturais

O segundo é destinado a espaços artísticos e culturais. Nessa categoria se enquadram espaços como: teatros independentes; pontos de cultura; escolas de música, de capoeira e de artes e estúdios; casas de cultura; museus comunitários, centros de memória e patrimônio; bibliotecas comunitárias; espaços culturais em comunidades indígenas, de povos e comunidades tradicionais e festas populares; livrarias, editoras e sebos; estúdios de fotografia; produtoras de cinema e audiovisual; dentre outras categorias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *