Bares até 22h, academias abertas e piscinas coletivas vetadas

Prefeito anunciando as medidas

Em entrevista coletiva, dia 12 de janeiro, o prefeito, Marco Antônio Lage; o vice Marco Antônio Gomes; a secretária de saúde, Eliana Horta; e a médica infectologista do município, Andréa Cabral; explicaram o conteúdo do decreto 115, com uma série de medidas para blindar a escala de crescimento da covid-19 em Itabira. O documento entra em vigor dia 13. Ate então, são 6146 casos positivos, 306 pessoas em isolamento domiciliar e 49 mortes. A taxa de transmissão (RT) aumentou de 0,84% para 1,03% assim como a ocupação de leitos, de 36% para 48% em UTIs (Unidades de Terapia Intensiva), e de 22% para 43% nas enfermarias.

Explanação da médica infectologista

“Vamos lançar um desafio para a comunidade itabirana: alcançar a onda verde. Situação de normalidade mesmo, só depois da vacinação. A situação que mais nos aflinge são as crianças sem escola”, disse o prefeito. Com a publicação os veículos de transporte coletivo não poderão circular mais com passageiros em pé. “Serão mais 33 linhas, 12 novas no sentido centro-bairro e reforço de 21 já existentes. Serão mais 1200 passageiros sentados nos coletivos. A gratuidade para idosos será nos horários de 10h às 16h, e de 20h às 6h,” destacou Marco Antônio Lage. As alterações serão implantadas dia 14 de janeiro, com avisos afixados a partir do dia 12, para melhor conhecimento dos usuários do serviço de transporte coletivo.

Secretária de Saúde

As academias de ginásticas e musculação irão funcionar de 6h às 22h de segunda a sexta-feira; bares, restaurante e similares de 9h às 22h com dois metros de distância entre as mesas, além das medidas sanitárias já conhecidas; distribuidoras de bebidas de 9h às 21h; salões de beleza, clínicas estéticas e barbearias de 10h às 21h; auto-escolas de 10h às 22h; além de supermercados com atendimento de rodízio pelo número final do CPF; e materiais de construção de até 17h. “Foi escolhida a segunda-feira (18) para haver um prazo de adequação e comunicação visual,” explicou o gestor da máquina pública.

Médicos esclarecendo as novas medidas

“Uma parceria que a cidade precisa ter, para evitar agravar a pandemia, além de distanciamento nas filas internas no açougue a nas padarias dos supermercados,” explicou. As piscinas coletivas foram vetadas, exceto quando houver prescrição médica. “Dados científicos apontam que a covid-19 morre em alguns casos com o cloro, mas não há como manter a máscara sem umidade dentro d’água” disse a médica Andréa Cabral. O telefone para denúncias, atendimentos, fiscalizações até consultas remotas foi mantido: (31) 3839-2133. O Disque Saúde atende de 8h às 17h. Até mesmo servidores e visitantes terão acesso controlado em prédios públicos, e adoção das medidas sanitárias.

Coletiva com os jornalistas

Os trabalhadores públicos em home-office terão estrutura para prestar o serviço, garantiu o prefeito durante seu pronunciamento. Para os bancos, que não será por decreto, a decisão sairá nessa quarta-feira (13). “As mudanças de horários vai ajudar até nas filas nos bancos, porque o Centro ficará menos cheio,” defendeu o médico e vice-prefeito, Marco Antônio Gomes. Os prédios públicos, o terminal rodoviário Genaro Mafra, os pontos de embarque e desembarque de coletivos, receberão forças-tarefa para limpeza, com equipes da Itaurb (Empresa de Desenvolvimento de Itabira), do Saae (Serviço Autônomo de Água e Esgoto), e das Secretarias Municipais de Desenvolvimento Urbano, e de Saúde.

Barreiras sanitárias serão implantadas em pontos estratégicos, nos acessos de Itabira, inclusive distritos, e nas comunidades rurais de vocação turística. “O lockdown é muito pior que isso” resumiu o prefeito. A atividade irá começar na segunda-feira (18) com as equipes ainda em fase de treinamento. “Serão ações individuais para o bem coletivo,” destacou a infectologista, ao ressaltar a necessidade da adoção na rotina das medidas sanitárias amplamente divulgadas, desde o começo da pandemia.

Secretário da Fazenda

Gilberto Silva Borges, novo secretario de fazenda

Antes de conversar com os jornalistas o prefeito, apresentou Gilberto Silva Borges, novo secretario de fazenda de Itabira. Ele fez um breve pronunciamento, depois do anúncio, demonstrando motivação e otimismo em buscar alternativas para diminuir a dependência econômica ao setor extrativo mineral. “Meu papel será de promover o equilíbrio fiscal e municiar as demais secretarias das informações sobre recursos públicos disponíveis,” disse o profissional que acumula bagagem de 35 anos na área

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *