Coronavírus: 40ª morte confirmada e 41ª em investigação

Um homem de 59 anos foi o 40º óbito atribuído ao coronavírus em Itabira. Ele ficou 41 dias internado no Hospital Nossa Senhora das Dores (HNSD) e a morte por complicações relacionadas à doença foi registrada dia 27, e publicada pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), dia 28 de dezembro, após a confirmação através de exames. Ele tinha duas ou mais enfermidades associadas.

Está em investigação pelas autoridades públicas do município, a 41a morte. Material foi coletado é se aguarda o resultado de exames moleculares para a confirmação ou o descarte. A ocupação de leitos está em 27% em clínicos, e 20% de tratamento mais avançado. A taxa de letalidade em Itabira está em 33% para cada cem mil habitantes, no Estado em 55%, e no país em 91%.

De acordo com o painel Cidades Saudáveis, há até dia 28 de dezembro, cinco pacientes em UTI (Unidade de Terapia Intensiva) dos 25 disponíveis, e 10 internações em enfermarias, nas 37 vagas disponibilizadas. Desses 15 pacientes, quatro residem em Itabira. A taxa de isolamento social na cidade está em 41%, nove pontos abaixo do recomendado.

Até a publicação da SMS, estavam hospitalizadas 28 pessoas, sendo 14 suspeitos de ter a covid-19, aguardando verificação de exames PCR com 99% de assertividade. No total havia 5451 casos positivos, 529 pessoas monitoradas, mas em casa, na situação de isolamento, e 4858 recuperações, apontando percentual de resposta positiva para a doença de 89%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *