Reta final da imunização contra a pólio: 22 postos com vacinação

Itabira está com a vacinação contra a poliomielite, ou paralisia infantil, em andamento até 20 de novembro. A meta preconizada pelo Ministério da Saúde (MS) está distante de ser alcançada, e a suposição principal é o impacto causado pela pandemia, e o receio das pessoas frequentarem locais comuns, principalmente ligados ao segmento saúde. A campanha foi prorrogada recentemente, e o alerta é feito para os pais, aproveitarem o prazo, que pode não mais ser estendido pelo Governo Federal.

“Até a primeira quinzena do mês, estávamos com 50% de cobertura vacinal das crianças menores de cinco anos. Esse percentual é praticamente a metade do necessário, por isso a campanha foi prorrogada em todo o país. Estamos convocando toda a população para levar as crianças aos locais de vacinação. A poliomielite é uma doença muito grave”, afirmou Karine Chaves Cabral, diretora de vigilância epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Algumas pessoas tem a falsa sensação da total irradicação da pólio, sem casos no país desde a década de 90, somada ao medo da contaminação pela covid-19, considerando que há a convivência familiar com pessoas no grupo de maior risco do coronavírus. “A família pode ficar com receito de levar a criança. Assim orientamos a usar máscaras, cuidados como lavar as mãos e usar álcool na higienização. Essa rotina já ocorre em cada unidade de saúde do município. Uma estratégia foi montada de agendamento do procedimento, para marcar um horário específico,” explicou a diretora da SMS.

Nessa reta final de campanha a faixa etária alvo são jovens de um a cinco anos incompletos, para imunização contra a pólio; em adolescentes de até 15 anos, para ser feita a análise minuciosa da caderneta de vacinação, ao se verificar doses em atraso na multivacinação. São 22 unidades do PSF (Programa de Saúde da Família) em Itabira com salas apropriadas para imunizar com a gotinha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *