Mais duas mulheres morrem em virtude da covid-19. São 64 vítimas

Itabira alcançou a contagem de 64 vítimas da covid-19. Duas mulheres entraram no registro da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), dia 10 de fevereiro: a primeira de 83 anos, atendida no Hospital Municipal Carlos Chagas (HMCC), que faleceu a dois dias, e teve a confirmação da doença, nessa quarta-feira (10); e a segunda, com 69 anos, hospitalizada a uma semana no Hospital Nossa Senhora das Dores (HNSD), óbito na véspera da publicação. As duas tinham duas ou mais doenças crônicas associadas.

Vacinômetro do dia 10 de fevereiro

A taxa de letalidade da enfermidade em Itabira está em 0,79%, o que equivale a 50 mortes para cada cem mil habitantes. Em Minas Gerais são aproximadamente 75 óbitos para a população de cem mil habitantes, e no Brasil essa taxa é de 110 pessoas que perderam a vida em decorrência a complicações causadas pelo vírus. O isolamento social continua adequado, 19 pontos percentuais abaixo do mínimo preconizado (31%), melhor que em Minas, 34%, e a taxa nacional, de 36%. Os dados foram apurados pelo site FarolCovid.

Sobre a ocupação de leito covid-19 na cidade, está em 28% nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), e 27% nas enfermarias. São 22 internações, sete deles em UTIs, dois de Itabira. Não há itabiranos em leitos clínicos. O índice de recuperação está em quase 95%. Boletim Epidemiológico datado em 10 de fevereiro, aponta ainda, dois moradores da cidade em unidades hospitalares de outros municípios com o coronavírus, e 597 monitoramentos, destes, 58% com exames moleculares confirmando a infecção. Foram descartados 1458 casos suspeitos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *