Itaurb determina forma emergencial de coleta de inservíveis na área rural

Ponto de apoio para coleta

A Empresa de Desenvolvimento de Itabira (Itaurb) retomou quarta-feira (6) a coleta de lixo na zona rural do município. O serviço está sendo executado com o saldo remanescente do contrato com a empresa Hura. O contrato termina terça-feira (12). De acordo com Danilo Alvarenga Freitas, diretor-presidente da Itaurb, as rotas de coleta nos distritos Ipoema e Senhora do Carmo, bem como em outras localidades rurais, serão realizadas, apenas, pela empresa Hura até o encerramento do contrato.

Danilo Alvarenga Freitas

“Até dia cinco, a Hura executava somente as rotas urbanas, que exigem menos recursos da empresa. Sabemos que a área rural da cidade é extensa, e a Itaurb sempre assumiu esses custos. Portanto, redefinimos as rotas deste contrato, que terminará na próxima terça-feira, sem possibilidade de renovação”, explicou o gestor da autarquia. Com a mudança, a empresa contratada fará a coleta no perímetro urbano dos distritos e em algumas localidades rurais.

Diretor-presidente da Itaurb na Câmara

O trecho de recolhimento de inservíveis contempla: Serra dos Alves, Belvedere, Angico, Tiá, Conquista, Bom Jardim, Mata Grande, Serra Linhares, Bongue, Boa Vista, Laranjeiras, Pedra que Brilha, Candidópolis, Bateias, Turvo, Quiabo, Santa Catarina, Gatos, Padres, Santo Antônio, Duas Pontes, Machado, Gomes, Macuco, Cachoeira Alta, Campestre, Quilombo, Caqui, Bananal e estradas de acesso de Ipoema e Senhora do Carmo.

Hura recolhendo inservíveis na zona urbana

O contrato emergencial com a Hura foi firmado em julho do ano passado, devido à pandemia do coronavírus, que afastou cerca de 12 funcionários, entre motoristas e coletores. Segundo relatório da empresa pública, havia cinco caminhões da frota de coleta inoperantes, sendo quatro com perda total. Devido ao valor do conserto, foi necessário realizar um processo de licitação, atendendo prazos legais. Costumeiramente dezembro é a época do ano, que a demanda cresce da Itaurb.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *