Mais dois homens morrem com complicações do coronavírus em Itabira

Ocorreu dia cinco de janeiro, o registro de mais duas mortes, por complicações relacionadas ao coronavírus, em Itabira, ambos do sexo masculino. No total ocorrem 48 falecimentos, de domiciliados na cidade. O 47° óbito foi de um pacientes de 77 anos, com comorbidades, internado em outro município, com data da morte registrada em 18 de dezembro. A 48ª vítima tinha 71 anos, também com duas ou mais doenças crônicas associadas, em tratamento em uma unidade hospitalar fora de Itabira, até a data do óbito, dia 31.

Conforme a Prefeitura de Itabira, as duas documentações comprobatórias foram entregues na Secretaria Municipal de Saúde (SMS) na data da publicação. No perfil epidemiológico dos casos confirmados: 2210 mulheres, e 3613 do sexo masculino. O índice de recuperação da doença está em 91%, com 5823 infectados, e 5307 com resposta imunológica positiva. Foram descartadas após inquérito epidemiológico 22 mortes. São 20 internações de pacientes com a enfermidade, 18 em leitos clínicos e dois em UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Não há pacientes domiciliados em Itabira em unidades hospitalares de outras cidades. São 15 internações de pacientes no Hospital Nossa Senhora das Dores (HNSD) e Hospital Municipal Carlos Chagas (HMCC) com sintomas e submetidos a testes moleculares, aguardando resultados para covid-19, 10 em leitos de enfermaria, e os demais cinco em UTI. A maioria dos positivados, 29%, tem entre 30 e 39 anos, e 23% estão na faixa etária de 40 a 49 anos, e finalmente, entre 20 e 29 anos são 18% pessoas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *