Pela primeira vez, Itabira passa de 50% de ocupação em leitos covid e soma mais três mortes, total chega a 36

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) publicou na noite do dia 15 de dezembro, informe apontando 36 mortes causadas pelo coronavírus em Itabira, as três mais recentes nas últimas 24 horas. Outra morte continua em investigação, aguardando resultado de exame molecular. São 26 internações de pacientes com a covid-19 nos leitos destinados nas unidades hospitalares de Itabira: Nossa Senhora das Dores (HNSD), e Municipal Carlos Chagas (HMCC). No total Itabira dispõe de 62 leitos de enfermaria e UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Leitos covid-19 do HMCC

O 34º óbito foi uma mulher, com 93 anos, com comorbidades e que estava internada no HMCC a dois dias. O 35a vítima é do sexo masculino, 62 anos, com duas ou mais doenças crônicas associadas, também internada na mesma unidade hospitalar, desde seis de dezembro. Uma mulher com 85 anos foi o 36º óbito; ela ficou internada no HNSD, desde o dia cinco, e a exemplo dos demais tinha comorbidades.

Leito coronavírus do HNSD

A taxa de ocupação dos leitos covid está com 52% de ocupação nas enfermarias, e 54% em UTIs. Foi a primeira vez na pandemia que Itabira ultrapassa metade dos leitos coronavírus ocupados. A taxa de isolamento social continua em queda, 36% abaixo 14 pontos percentuais no aceitável. Acima da média da região com 11 as cidades: Barão de Cocais, Bom Jesus do Amparo, Ferros, Itambé do Mato Dentro, Passabém, Santa Bárbara, Santa Maria de Itabira, Santo Antônio do Rio Abaixo, São Gonçalo do Rio Abaixo e São Sebastião do Rio Preto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *