Cerca de 60% dos MEIs formalizados abriram o negócio por oportunidade

Aproximadamente de 20% dos microempreendedores individuais (MEIs) de Minas Gerais se formalizaram durante a pandemia, e 60% abriram um negócio por oportunidade nesse período, como mostra a pesquisa realizada pelo Sebrae Minas para avaliar o perfil dos novos MEIs, segmento que corresponde a 63% dos pequenos negócios no Estado.

Entre março de 2020 e abril deste ano, 215.025 novos MEIs chegaram ao mercado, totalizando 1.342.377 formalizados. O percentual tanto de mulheres como de homens que se tornou MEI durante a pandemia e que empreendeu por oportunidade foi próximo a 60%.

“Apesar da pandemia e de seus impactos econômicos, a maioria dos entrevistados afirma ter se tornado MEI no último ano porque identificou uma oportunidade no mercado”, explica Paola La Guardia, analista da Unidade de Inteligência Empresarial do Sebrae Minas.

A pesquisa do Sebrae Minas também mostra que a atividade como MEI é a única fonte de renda familiar para 40% dos microempreendedores individuais. Outros 35% afirmam que a família tem outra fonte de renda, e a do MEI é complementar; e 18% têm outra fonte de renda, porém a do MEI é a principal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *